Três dicas para criar um CV de engenharia informática de sucesso

Quando chega o momento de escrever pela primeira vez ou renovar o CV, surgem diversas questões, nomeadamente como conseguir criar um CV de engenharia informática de sucesso. Claro que na google podes encontrar várias dicas: a quantidade de páginas que deve ter; o tipo de layout que podes escolher; como mantê-lo clean, de fácil leitura e, ainda assim, garantir que é único e apelativo.

Encontras facilmente centenas de modelos-exemplo e algumas plataformas que ajudam a criar o teu CV, com um design diferenciador. Mas este tema não é o que me traz aqui hoje (ainda que todas estas questões sejam importantes).

Ao preparares o teu CV, provavelmente já fizeste estas questões: “Sobre que temas devo escrever?”; Que informação é essencial?; Que tópicos são mais relevantes? – Então, neste artigo vou partilhar algumas respostas a estas perguntas e explicar três dicas para criar um CV de engenharia informática de sucesso.

1 – Partilha a tua experiência profissional ou académica

Aposto que estavas à espera desta parte. Apesar de parecer óbvio, nunca é demais reforçar esta mensagem. Enquanto recrutadora nas áreas de TI, quero ler no teu CV as experiências que tens tido, quer tenhas terminado a faculdade quer já tenhas experiência profissional. Que tipo de projetos fizeste? E que desafios te fizeram evoluir?

Se terminaste agora a faculdade

É possível que não tenhas ainda experiência profissional, ainda assim deves incluir os projetos académicos mais relevantes e desafiantes para ti. Acredito que deves ter tido imensos ao longo do teu percurso em engenharia informática, mas escolhe aqueles dois ou três com os quais mais aprendeste e que superaram as tuas expectativas.

Se já tens experiência profissional em TI

Para criares um CV em engenharia informática de sucesso, é fundamental estarem lá as funções que tens desempenhado, os locais e a duração de cada, com clareza e objetividade.

Menos é mais

Em ambos os casos, não esperamos que faças uma composição, percorrendo todos os detalhes com profundidade. Um parágrafo é suficiente para descreveres o objetivo central de cada projeto, deixando o “mistério” desejado para aprofundar melhor na entrevista.

Mas se queres realmente destacar-te de outros CV de engenharia informática, pode ser uma excelente estratégia descreveres em cada projeto os teus achievements, mostrando como conseguiste criar impacto e realização com as tecnologias que utilizaste nas experiências anteriores ou projetos académicos. Isto é, provavelmente há muitos developers que já trabalharam no mesmo tipo de projeto, mas a forma como contribuíram e os outputs que daí retiraram é diferente de pessoa para pessoa. Concordas?

2 – É um CV de tecnologia, por isso fala sobre tecnologia

Outra informação importante é a tua expertise em tecnologia. – Que tecnologias já usaste e de quais mais gostas? Fala sobre as tuas tech skills e o teu know-how. Desta forma, nós, recrutadores, conseguimos perceber melhor o teu nível de conhecimento, as áreas tecnológicas que mais dominas bem como as frameworks e tecnologias em que tens investido.

Por exemplo, na Xpand IT trabalhamos com uma gama vasta de tecnologias e stacks em diferentes áreas. Assim, quando te candidatares a oportunidades de emprego, teres este aspeto no teu CV ajuda-nos a perceber a área que melhor se adequa ao teu perfil. Ao mesmo tempo, podemos adaptar e personalizar o nosso processo de recrutamento às tuas competências e motivações.

3 – Não te esqueças: é o teu CV e não o de outra pessoa

Podes utilizar o mesmo template, ter um background semelhante ou até mesmo trabalhar na mesma empresa que outros developers, mas o teu CV é o teu CV e o de mais ninguém. – Torna-o pessoal, único e diferenciador!

Para conseguires criar um CV de engenharia informática de sucesso, deves falar sobre ti, as tuas aspirações e objetivos. – Do que estás à procura? O que te motiva? Já fizeste algum projeto pessoal? Já aprendeste e experimentaste alguma tecnologia por ti mesmo? Fizeste alguma formação, entretanto? Tens interesse em mudar de tecnologia e experimentar um desafio novo?

Nesta parte podes também incluir os teus hobbies, trabalho de voluntariado, e todos os pormenores que aches que fazem a diferença. Mesmo algum aspeto sobre ti que não está tão relacionado com o teu percurso profissional, pode ser um excelente ice-breaker para a nossa primeira entrevista.

E como dica bónus: O perfil do LinkedIn é um ótimo complemento ao teu CV, por isso mantém-no atualizado! Hoje em dia é realmente comum os recruiters considerarem o teu perfil do LinkedIn quando analisam uma candidatura.

Conclusão

Resumindo as ideias centrais para poderes criar um CV de engenharia informática de sucesso:

  1. Conta-nos a tua experiência num parágrafo, por projeto
  2. Mostra-nos a tua expertise tecnológica
  3. Personaliza

Espero que estas três dicas tenham sido úteis para que possas escrever um CV com a confiança necessária de que estás a ir pelo bom caminho.

*Este artigo é uma versão PT do conteúdo original que pode ser lido aqui.

Ana FarinhaTrês dicas para criar um CV de engenharia informática de sucesso

Read more in

XTech Community

Readers also checked out

Want to get amazing Big Data, Business Intelligence, Middleware
Mobile articles & news directly from our experts?
Subscribe to our blogs now.