Quando o Excel já não chega (5 razões para utilizar Tableau)

Tableau vs Excel: são duas ferramentas utilizadas para a análise de dados, tendo cada uma delas uma abordagem diferente de exploração. Caso esteja a trabalhar no Excel e esteja cansado de escrever fórmulas, o Tableau pode tornar a exploração dos seus dados mais rápida e fácil. Com drag-and-drop pode responder a perguntas mais complexas e consegue colaborar de forma muito mais eficaz. 

O Excel é utilizado para adicionar, armazenar, localizar e classificar os dados e para executar várias operações matemáticas, financeiras e de estatística. O Excel é uma forma prática para começar com os dados, mas o Tableau leva a análise para outro nível através de representações visuais e responsivas e, o melhor de tudo, consegue ligar-se diretamente a diversos repositórios de dados incluindo o próprio Excel tornando a análise mais simples e rápida. 

Combinar e integrar os dados

Ao trabalhar com o Excel enfrentamos por vezes milhares de linhas de dados espalhadas em diferentes pastas, tornando a descoberta às nossas questões de negócio mais longa e difícil. Embora o Excel seja ótimo para armazenar os dados introduzidos manualmente, Tableau consegue reunir facilmente todos os dados que possui, não apenas no Excel, mas também ligando-se a qualquer base de dados relacional, Salesforce, Linkedin, Google Sheets, Google Analytics ou Spark. Consegue analisar facilmente os dados de uma fonte, tabelas, worksheets workbooks de uma só vez, economizando tempo através de uma vista completa dos dados. Com as opções de drill-down e data blending, consegue identificar novos padrões, tendências e correlações e ainda perceber o que levou para que isso acontecesse. 

Dados sempre atuais

O Excel e o Tableau conseguem trabalhar com dados estáticos e dinâmicos de várias fontes de dados. No entanto, a atualização automática dos dados no Excel envolve a programação de processos manualmente ou a criação de etapas que atualizam automaticamente os dados da sua sheet ao abrir o seu ficheiro. Quando um utilizador não tem experiência com ligações de dados dinâmicas, normalmente o processo é manual recorrendo ao copy-paste, o que pode levar a alguns erros. Com o Tableau, consegue configurar facilmente uma ligação dinâmica com os dados, permitindo o uso dos mesmos em tempo real nas suas visualizações. 

Gráficos e visualizações ainda mais eficazes

No Excel, é necessário ter uma ideia sobre as respostas às suas perguntas antes de decidir qual o tipo de gráfico que melhor representa os resultados à sua análise. Mesmo depois de pensar que tomou a decisão certa sobre qual gráfico usar, os seus dados podem sofrer alterações; podem existir informações adicionais que ajudem a sua análise; ou o resultado final pode não corresponder ao esperado e não responder à pergunta corretamente. Em casos como estes, geralmente é necessário reiniciar ou atualizar o ficheiro Excel. Tableau é mais intuitivo com estes processos; por exemplo, ao criar cálculos, todas as fórmulas são aplicadas a todas as linhas referidas. Desta forma a criação e a aplicação dos cálculos é facilitada. No caso das visualizações, Tableau permite que o significado dos dados seja visto imediatamente e diferencia as correlações através de labels, cores, tamanhos e formas. 

Enriquecimento de análises

Além do cálculo inteligente, Tableau possui diversos recursos de forma a ajudá-lo a obter os seus dados com uma estrutura e formato para que todos possam utilizar. Estas análises permitem que você e outras pessoas explorem os dados à vontade, permitindo descobrir e isolar rapidamente outliers, descobrir padrões escondidos nos dados, ver tendências e localizações geográficas e simular o futuro de forma a que consiga antecipar resultados. Com o Tableau, é possível analisar os seus dados sem se preocupar com a corrupção ou a perda de informação. Os dados analisados no Tableau não são inseridos na sua fonte de dados. 

Partilha e colaboração

Quando se trata de análise de dados e partilha de ideias, existem dois fatores importantes a serem considerados: a credibilidade e a confiança no que está sendo representado. Tipicamente, os utilizadores de Excel têm relatórios duplicados, perdendo por vezes a localização ou versão do ficheiro ou têm diferentes relatórios com diferentes fórmulas para o mesmo KPI. O Tableau elimina este tipo de problemas e consegue ajudá-lo nesta gestão de dados, para que uma empresa consiga partilhar uma única versão. 

Com o Tableau Server ou o Tableau Online, os seus dados são centralizados e estão disponíveis na Web. Pode assim publicar e partilhar as visualizações e dashboards com as pessoas e ter a experiência de responder a perguntas, colaborar e fazer a análise de dados com outras pessoas. A partilha no Tableau permite que numa empresa todas as pessoas utilizem as mesmas métricas e a mesma versão, evitando assim problemas típicos de administração.  

Tableau vs Excel: em suma

Ao trabalhar com muitos dados, a melhor forma é trabalhar com uma base de dados centralizada, caso estes dados sejam gerados manualmente pode utilizar o Excel como um repositório de dados simples. Em qualquer um dos casos o melhor é recorrer ao Tableau para as análises visuais. Quando for necessário inserir novos dados, pode inseri-los manualmente no Excel. Caso nem queira sair do Tableau para o fazer pode recorrer à extensão Write-Back do Tableau, que permite a qualquer utilizador adicionar novos dados diretamente num dashboard do Tableau.

Para saber mais sobre como combinar Tableau e Excel, clique aqui

Sílvia MartinsQuando o Excel já não chega (5 razões para utilizar Tableau)

Read more in

Tableau

Readers also checked out

Want to get amazing Big Data, Business Intelligence, Middleware
Mobile articles & news directly from our experts?
Subscribe to our blogs now.