5 questões que precisa de responder para criar soluções Azure

São inúmeros os artigos, os blogposts e outro tipo de conteúdos que falam sobre a cloud: desde os benefícios que esta tecnologia oferece às empresas à desmistificação de mitos perpetuados, de como tirar maior partido da tecnologia ou até de como otimizar aplicações existentes. É inegável o papel de relevância que a cloud tem, atualmente, na realidade das empresas.

De facto, o tema continua a ser tão relevante que, de acordo com um recente inquérito realizado pela IDC, as organizações mostram uma inclinação forte em aumentar os investimentos em serviços de cloud no ano de 2020. Por outro lado, a situação pandémica atual, resultou numa crescente digitalização das empresas, onde o elemento cloud se revelou ser crucial, dado os benefícios que este apresenta para as empresas que foram obrigadas a adaptar-se digitalmente da noite para o dia. As exigências ao nível das infraestruturas aumentaram de forma muito significativa e o número de trabalhadores que começaram a trabalhar remotamente cresceu. Adicionalmente, ficou claro que as empresas têm que oferecer versões digitais dos seus serviços aos consumidores.

No entanto, com o número de opções distintas que estão disponíveis, pode ser algo difícil perceber por onde começar: quer seja uma empresa que já adote esta tecnologia em algumas partes do seu negócio e pretende otimizá-la ou mesmo uma empresa que ainda não adotou a cloud e está a pensar em fazê-lo, é importante fazer uma análise interna do negócio que ajude a clarificar os objetivos e propósitos a que se quer responder ao utilizar este tipo de tecnologia.

As 5 perguntas que precisa fazer para criar soluções Azure

Existem 5 coisas que precisa clarificar por forma a perceber por onde começar a sua jornada de transformação digital na cloud com o maior número de informação possível:

1) Qual é a sua necessidade?

Antes de avançar para o desenvolvimento de soluções que tirem partido da tecnologia, comece por se perguntar qual é a sua necessidade. Quer modernizar uma solução já existente, quer construir uma solução de cloud nativa, quer construir uma plataforma de dados ou ainda não sabe bem a que necessidade do seu negócio precisa de responder? Este é o primeiro passo que necessita de dar antes de sequer começar a pensar em desenvolver um projeto de migração para a cloud. Sem a resposta a esta pergunta, o propósito do investimento não ficará claro – nem os moldes em que deve fazê-lo.

2) Que tipo de solução procura?

Em segundo lugar, é preciso também perceber que tipo de solução procura: será que procura uma app web, uma app mobile, um business backend, uma streaming app ou está à procura de uma outra solução? Eventualmente, poderá chegar à conclusão que aquilo que a sua empresa necessita neste momento é mesmo um agregado destes elementos. Ter uma noção mais clara da necessidade que precisa de responder e do tipo de solução que poderá ajudar a cobrir tal necessidade, será um passo importante a dar na sua jornada de migração para a cloud.

3) Qual é o seu objetivo de negócio?

Já depois de ter percebido a que necessidade pretende responder e também que tipo de solução procura dentro do universo de tecnologia cloud, é também fundamental refletir sobre o objetivo de negócio que deseja concretizar. Aqui é o momento onde poderá, finalmente, cristalizar a visão que tem para o seu negócio e como é que esta tecnologia o poderá ajudar a concretizá-la. Comunicar essa visão de forma clara e inequívoca irá ajudar a que os especialistas estejam alinhados consigo para conseguir torná-la realidade.

4) Que tecnologias utiliza atualmente/quer vir a utilizar?

Independentemente da necessidade a que quer responder, seja por exemplo, modernizar uma solução existente, construir uma plataforma de dados ou mesmo construir uma solução de cloud nativa, é importante que tenha em conta as diferentes tecnologias que já utiliza e/ou que quer vir a utilizar, por forma a analisar qual será o impacto que essas tecnologias terão ao iniciar a sua jornada cloud. Quanto mais cedo se analisar as possíveis limitações ou obstáculos ao cumprimento dos nossos objetivos, mais eficientemente conseguiremos arranjar estratégias para os ultrapassar.

5) Quais são os principais drivers da empresa?

Por fim, mas não menos importante, é também crucial clarificar quais são os principais drivers da empresa. Que tipo de elementos são cruciais na atividade global da empresa e quais querem priorizar acima de todos os outros? Serão os custos, a performance, a escalabilidade ou outros? Por forma a garantir que a solução que é construída é altamente personalizada e focada nas necessidades individuais de cada empresa, é relevante ter visibilidade sobre que tipo de indicadores a empresa se quer guiar. Apenas desta forma será possível chegar a uma solução que endereça todos os desafios e oportunidades a que a empresa deseja responder.

O que acontece depois? Próximos passos

Mesmo depois de ter respondido a todas estas questões, pode – ainda assim – ser desafiante perceber qual será a melhor solução cloud ou qual será a melhor combinação de recursos para a sua necessidade específica. Por tal, a Xpand IT desenhou uma ferramenta intitulada Cloud Assessment Tool cujo objetivo é o de fazer uma breve avaliação por forma a que a nossa equipa de especialistas consiga ajudar as empresas a perceber o que já estão a fazer bem, que áreas pode melhorar e, finalmente, dar visibilidade às organizações sobre a melhor combinação de recursos dentro da especificidade do seu negócio e dos desafios que tem para responder.

Na Xpand IT, a unidade de Digital Xperience há já muitos anos que se foca no desenvolvimento de soluções baseadas em tecnologia cloud, nomeadamente Microsoft Azure. Todas as soluções que temos vindo a desenvolver ao longo dos anos tiram partido de uma variedade de componentes que são entre si combinados para construir a melhor solução possível: App Services, API Management, Cosmos DB, Cognitive Services, entre outros. A nossa experiência nestas tecnologias e, particularmente, em Microsoft Azure não deriva apenas do desenvolvimento de iniciativas de soluções nativas em cloud, mas também da reengenharia de soluções existentes, onde ajudamos os nossos clientes a tirar o máximo partido desta tecnologia e de todos os seus componentes.

Complete o nosso Cloud Assessment e dê um passo em frente na sua jornada de transformação digital.

Filipa Moreno5 questões que precisa de responder para criar soluções Azure

Read more in

Azure

Readers also checked out

Want to get amazing Big Data, Business Intelligence, Middleware
Mobile articles & news directly from our experts?
Subscribe to our blogs now.